em Saúde e Segurança do Trabalho
A vítima do acidente de trabalho em uma fábrica de artefatos de concreto na tarde desta terça-feira (7) morreu durante a tentativa de consertar uma betoneira. André Costa Lucas Júnior, de 28 anos, é filho do proprietário da empresa, localizada na Avenida Consul Assaf Trad próximo a saída para Cuiabá, e teria oferecido ajuda a uma funcionária.
 
De acordo com o polícia, no início da tarde a máquina, uma misturadeira que faz estrutura pré-moldadas e funciona como betoneira, mas há cerca de 4 metros de altura, parou de funcionar. A encarregada pela máquina não conseguiu resolver o problema mecânico e André Costa se ofereceu para ajudar.
 
Após mexer na misturadeira, o rapaz pediu para que a funcionária ligasse o equipamento. A máquina funcionou, mas André ainda estava dentro e acabou sofrendo cortes profundos pelo corpo. Ele não resistiu aos ferimentos e ainda ficou preso na betoneira. O corpo de Bombeiros foi acionado e levou cerca de duas horas para registrar a vítima.
 
No local, nenhum funcionário da loja La-J Lucas falou com a imprensa e a passagem foi bloqueada. Ainda assim, muitos carros, parentes e conhecidos da vítima foram ao local. Equipes do Corpo de Bombeiros, do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e da Polícia Civil atenderam a ocorrência.
 
Pelas redes sociais, familiares e amigos lamentaram a morte de André Costa e declararam luto. O caso agora é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande como morte a esclarecer.
Postagens Recomendadas